quarta-feira, fevereiro 17, 2016

Empresas perdem produtividade ao não considerar a integração de processos e sistemas

PlanetaCelular tecnologia e mobilidade

Empresas perdem produtividade ao não considerar a integração de processos e sistemas

Especialista da Magic Software alerta sobre os riscos da falta de um projeto de comunicação entre novas aplicações e as legadas

A empresa que contratar um novo software especialista para melhorar e agilizar seus processos de negócios - seja de CRM, ECM, TMS, controle da produção, entre outros – e não considerar a integração desta nova aplicação com o sistema central de gestão -  ERP, pode ter grandes prejuízos relacionados à produtividade, tempo e dinheiro. É o que afirma André Renato Ramos, gerente de novos negócios da Magic Software Brasil, fornecedora de plataformas de desenvolvimento e integração de sistemas.

Segundo o executivo, a integração vem sendo subestimada tanto por boa parte dos fabricantes de software como pelas  empresas usuárias de software. Ramos cita dois grandes principais motivos para isso: de um lado, os fabricantes de software, preocupados em garantir a venda de seu produto, muitas vezes não orientam adequadamente o cliente sobre a necessidade de um projeto de integração ou acreditam que a integração a partir de templates resolve todas as variantes dos projetos. “O estresse e desgaste entre o cliente e o fabricante podem ser evitados se o vendedor orientar o comprador adequadamente, como um verdadeiro consultor”, destaca o especialista da Magic Software.

Do lado do cliente, a integração é subestimada geralmente por falta de conhecimento, de visão sistêmica e de futuro do uso da nova aplicação adquirida. “Em muitas empresas a comunicação entre sistemas pode ser feita a partir de APIs básicas ou com a transferência de dados para outro software via arquivos texto ou planilhas. Isso funciona para pequenos volumes de dados, mas é um grande problema quando envolve ambientes complexos de TI”, afirma Ramos. “Imagine se pode dar certo a integração via texto entre um CRM na computação em nuvem com um ERP que recebem dados de várias filiais e ainda tem que coletar informações de uma aplicação mobile da equipe de vendas, por exemplo”.

Para o especialista, “quando o assunto integração fica em segundo plano, problemas aparecerem. O caos estabelecido nunca será resolvido sem um projeto sério de integração, com o uso de plataformas especialistas neste tipo de atividade e sem improvisações”, enfatiza Ramos.

Pensar integração ao adquirir um novo software
Para André Renato Ramos todas as partes envolvidas na aquisição de software devem pensar a integração como mecanismo vital para garantir o melhor aproveitamento das novas aplicações e os legados existentes. Para ele questões básicas devem envolver:

- Como será a comunicação entre o novo sistema e o ERP?
- Quem vai executar o projeto de integração? O fabricante ou o cliente?
- O fabricante possui uma API para isso? Ela é aderente às necessidades do projeto? Ela pode ser adaptada?
- No caso do fabricante indicar uma plataforma de integração de um parceiro, ela cumpre o que promete? Possui casos de sucesso no mesmo cenário?
- As áreas de negócios e de TI do cliente estão envolvidas no projeto?
- Quais os processos de negócios devem ser integrados e quais os fluxos de informações desses processos devem ser considerados?
- Em caso de alteração futura dos processos ou dos sistemas, quem será responsável pela manutenção da integração? Qual a facilidade de se executar essa manutenção no futuro?

Em resumo, “Se a integração não for priorizada, o cliente compra uma solução e recebe um problemão”, sentencia Ramos. “A empresa perderá muito se não conseguir conectar corretamente – e de maneira automatizada – o novo sistema adquirido ao atual sistema ERP. Integração não é um detalhe e não pode ficar em segundo plano”, finaliza o especialista.
Mais informações: http://www.magicsoftware.com.br



Planeta Celular telefonia celular, tecnologia e mobilidade.


Share/Bookmark

quinta-feira, dezembro 03, 2015

REDENÇÃO – livro um: legionella

PlanetaCelular tecnologia e mobilidade


REDENÇÃO – livro um: legionella



Sinopse:

Caos, ódio e morte voltam a bater à porta da humanidade. No século XXVI, um
grupo racista desenvolve uma super bactéria que mata seletivamente. Caberá a
Peter Brose, político jovem, influente e bem intencionado, o desafio de salvar a
humanidade de sua autodestruição. Entretanto, sua experiência de vida não o
preparou para os fatos deploráveis que se seguirão.

Legionella, primeiro livro da série Redenção, dá o pontapé inicial nesta trilogia de
ficção científica com muita ação, suspense e imaginação. Ao mesmo que o mundo
idealizado pelo autor tem a plausibilidade como principal característica, os
personagens que nele habitam são únicos, e os caminhos que a obra segue são
marcados pelo inesperado.

Além de entreter, a obra de M.A. Costa leva o leitor a refletir sobre a essência
humana e os caminhos que a humanidade insiste em seguir, apesar de sua
privilegiada capacidade de evolução como espécie e de cada um de nós como
indivíduo.

Autor:
Redenção – livro um: Legionella, é livro de M.A.Costa, um apaixonado pelos
gêneros ficção científica e terror.

Desde sua adolescência seus heróis e modelos de comportamento e pensamento
têm sido escritores - aqueles que são idealizadores de universos paralelos,
visionários de futuros próximos e distantes, transformadores do impossível em
plausível.

M.A.Costa é frequentador da escola de H.G.Wells, Isaac Asimov, Arthur Clarke e
Stephen King apenas para citar alguns. Na série Redenção, o autor dá asas à sua
imaginação mais “doentia”, ao escrever de forma cuidadosa e moderna, uma
história recheada de suspense e ação, que prevê um futuro que reflete ao mesmo
tempo o que há de pior e o mais nobre na natureza humana.
Entre em contato com o autor através de - www.facebook.com/redencaoolivro

Planeta Celular telefonia celular, tecnologia e mobilidade.


Share/Bookmark

Projeto de compartilhamento de transporte vence concurso promovido pela Prefeitura

PlanetaCelular tecnologia e mobilidade

Projeto de compartilhamento de transporte vence concurso promovido pela Prefeitura





Um projeto que prevê um sistema de compartilhamento de carros, scooters e bicicletas elétricas ficou em primeiro lugar no concurso cultural Uso do Automóvel na Cidade, promovido pela Prefeitura de Curitiba. O anúncio dos três projetos vencedores, que apresentaram soluções inteligentes para serem aplicadas na mobilidade urbana da cidade, foi feito nesta quinta-feira (3) .

A cerimônia de premiação aconteceu durante a abertura do 4º Fórum Internacional iCities, evento de economia criativa, sustentabilidade, energia e tecnologia que está sendo realizado no Salão de Atos do Parque Barigui, com apoio da Prefeitura.

Foram apresentados 36 projetos para avaliação no concurso, dos quais dez foram selecionados para receber certificados, dentre eles os três vencedores.

O primeiro lugar ficou com o projeto Sistema de Compartilhamento de Veículos Elétricos de Curitiba, de Michel Jean Batista. O prêmio é uma viagem de quatro dias para o Centro de Mobilidade do Instituto Renault, na França, com agenda específica para conhecimento dos projetos na área de mobilidade.

O segundo colocado foi Fernando Henrique Neves, com o projeto Planejamento Paramétrico Via TIC para Mobilidade Urbana de Curitiba, uma pesquisa origem-destino do transporte em toda a cidade baseada em smartphones - o prêmio é uma viagem de quatro dias para o Centro de Mobilidade do Instituto CEIIA, em Portugal, com agenda específica para conhecimento dos projetos na área de mobilidade.

O terceiro lugar foi para Beatriz Accioly Alves Marchiori, com o projeto Integrando Curitiba, que propõe a implantação de estacionamentos e área de lazer em plataformas acima dos terminais de ônibus da capital - o prêmio foi uma bicicleta elétrica oferecida pela empresa Luminapar Serviços de Iluminação Pública.

"É preciso incentivar a nova geração a participar do desenvolvimento de Curitiba com novas ideias. Muitas das propostas vencedoras no concurso estão em sintonia com o novo plano diretor de cidade e com medidas que já estão realizadas pelo poder público, como a pesquisa origem-destino. E essas ideias podem ser incorporadas como aprimoramento dos novos projetos da cidade. Isso é um avanço, pois mostra a sociedade participando cada vez mais da inovação em Curitiba", disse o prefeito Gustavo Fruet, que participou da premiação do evento.

O concurso complementa as atividades do seminário Uso do Automóvel na Cidade, realizado pela Prefeitura em abril deste ano. Uma nova edição já está sendo planejada para 2017 para continuar debatendo o tema mobilidade.

"Curitiba é uma cidade com grande índice de motorização e se aproxima rapidamente da relação um veículo para cada habitante. Algo precisa ser feito para alterar este cenário e o seminário foi criado com a intenção de buscar e debater soluções. As ideias apresentadas no concurso foram muito positivas e mostram consenso com o caminho que estamos adotando para Curitiba", afirmou o secretário do Governo Municipal, Ricardo Mac Donald Ghisi, idealizador do seminário.

Estudante de engenharia civil na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Michel Jean Batista lembrou que desde o início do concurso pensou em apresentar uma proposta que fosse relacionada às políticas adotadas por Curitiba. "Esse tipo de iniciativa ajudar a agregar opiniões de toda a comunidade e faz com que ela faça parte do desenvolvimento da cidade. Estou com uma grande expectativa de visitar o Instituto da Renault em Paris, espero agregar muitos conhecimentos nesta viagem", conta.

Para Roberto Marcelino, do Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade (IBPQ) e um dos fundadores do ICities, no momento atual de dificuldade econômica que o País atravessa, é importante que o poder público possa se apoiar em iniciativas ligadas à inovação. "É necessário que as empresas e instituições da área de tecnologia façam parte do cenário econômico e isso deve ser ampliado em breve não só em Curitiba mas em todo o País. O concurso ajudou a acelerar o processo de busca de soluções para cidade. Foram premiados três ótimos projetos que podem ser implantados rapidamente em Curitiba", afirmou.

Ele também fez parte do júri de seleção do concurso, ao lado de representantes de órgãos municipais - Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc), Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) e Instituto Municipal de Administração Pública (Imap) - e dos demais parceiros do seminário Uso do Automóvel na Cidade - Universidade Positivo, Renault do Brasil, Grupo GRPCom.

Ainda participaram do evento de premiação o secretário municipal de Informação e Tecnologia, Paulo Miranda, o presidente do Ippuc, Sérgio Pires, o presidente da Urbanização de Curitiba S/A (Urbs), Roberto Gregório, a presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento, Gina Paladino, o presidente do Instituto Curitiba de Informática, Luís Mário Luchetta, os vereadores Felipe Braga Côrtes e Johnny Stica, o vice-prefeito de Londrina, Guto Bellucci, o vice-presidente da Renault no Brasil, Alain Tissier, o presidente do IBQP, Sando Vieira, e representantes da Universidade Positivo.

Texto: Agência de Notícias da Prefeitura de Curitiba 


Share/Bookmark

TIM e Philips lançam parceria especial para o Natal

PlanetaCelular tecnologia e mobilidade


TIM e Philips lançam parceria especial para o Natal



Com SmartTV e ultra internet fixa, a ideia é garantir maior velocidade de conexão e melhor experiência aos consumidores



São Paulo, 3 de dezembro de 2015 – A TIM e a Philips anunciaram uma parceria para preço promocional exclusivo na adesão de Live TIM, a ultra internet fixa da TIM. Até 23 de dezembro, na compra das Smart TVs da marca os clientes receberão até 50% de desconto na contratação da ultra internet fixa da TIM. A ação será realizada em mais de 70 pontos de vendas e lojas online nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. Para o plano de 50 Mega, o cliente poderá contratar a banda larga de R$ 99,90 por R$ 50. Já no plano de 70 Mega, o valor mensal cai de R$ 119,90 para R$ 70, ambos por três meses.

 “Esta é a primeira promoção no Brasil em parceria entre uma fabricante de televisores e uma empresa de telecomunicações. Isso mostra que estamos atentos às novas necessidades dos consumidores, que desejam uma banda larga de altíssima qualidade para ter a melhor experiência de conexão com sua Smart TV ao desfrutar vídeos e filmes pela TV, inclusive com qualidade de imagem 4k”, afirma Luis Bianchi, gerente sênior de Business Development na TPV, fabricante responsável pela produção das TVs e monitores da Philips.

O consumidor que comprar uma Smart TV deve entrar no site da promoção (www.philips.com.br/promolivetim), verificar a disponibilidade do serviço de ultra internet fixa Live TIM em sua residência e fazer o cadastro. Após a validação, a Philips enviará um e-mail com o voucher promocional, que pode ser utilizado para validação até  5 de fevereiro de 2016.
Líder no mercado de internet ultrarrápida nas regiões onde atua, oferecendo planos de 35 Mega a 1 Giga de velocidade, a Live TIM se destaca em diversos rankings e premiações reconhecidas pelo mercado como o da Netflix. Mais recentemente, o serviço foi classificado em primeiro lugar na categoria banda larga da pesquisa do jornal O Estado de S.Paulo “Melhores em Serviços”. Atualmente, a cobertura está disponível para consumidores individuais e corporativos nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Duque de Caxias, Nova Iguaçu e São João de Meriti.
Para Rodrigo Fontes, Diretor do Segmento Residencial da TIM, “a parceria com a Philips comprova que dá para promover a melhor experiência do usuário, seja assistindo filmes em alta definição, jogar online sem travar e usar todos os outros recursos presentes nas SmarTVs, com a melhor ultra banda larga do Brasil, sem pegadinhas.”

Confira os produtos válidos na promoção:
ü  Live TIM
Planos
Valores
Ultra Banda Larga 50 Mega
De R$ 99,90 por R$ 50 por 3 meses
Ultra Banda Larga 70 Mega
De R$ 119,90 por R$ 70 por 3 meses


ü  Philips
Produtos
Série 6300 de 40 polegadas – Smart TV 4k
Série 5100 de 48 a 55 polegadas – Smart TV
Série 6700 de 50 e 55 polegadas – Android TV 4k
Série 7100 de 49 e 55 polegadas – Android TV 4k


Sobre a Live TIM
 A Live TIM foi lançada em agosto de 2012 e hoje é líder no mercado de internet ultrarrápida nas regiões onde atua, oferecendo planos de 35 Mega a 1 Giga de velocidade. O serviço de ultra internet fixa da TIM está disponível para consumidores individuais e corporativos em São Paulo, Rio de Janeiro, Duque de Caxias e Nova Iguaçu, com mais de 180 mil clientes. O mercado coberto já ultrapassa 1,7 milhão de domicílios. Os bons resultados da oferta estão baseados, principalmente, na qualidade do serviço, o que se reflete no nível de satisfação do cliente Live TIM, bem acima da média de mercado.

Sobre o grupo TPV no Brasil
O grupo TPV está presente no Brasil desde 1997 e possui fábricas em Manaus/AM e Jundiaí/SP, onde também produz em regime de OEM para diversas marcas com operação local e internacional. A TPV Technology Limited (www.tpv-tech.com) é o principal fabricante global de displays. O grupo vem conduzindo seu crescimento ao longo dos anos através de suas economias de escala e competências essenciais em P&D (pesquisa e desenvolvimento), fabricação, eficiência logística e qualidade. Atualmente produz no País monitores, DS (para sinalização digital), TVs, computadores All In One e tablets, com marca própria AOC, marca Philips (sob licença, para Monitores, TVs e DS) e em regime de OEM para diversas marcas com operação local e internacional. O Grupo TPV é listado nas bolsas de valores de Hong Kong e Cingapura desde outubro de 1999.

Sobre a Royal Philips Electronics
A Royal Philips Electronics da Holanda (NYSE: PHG, AEX: PHI) é uma empresa diversificada de saúde e bem-estar, com foco em melhorar a vida das pessoas por meio de inovações oportunas. Líder global em cuidados com a saúde, estilo de vida e iluminação, a Philips integra tecnologia e design ao prover soluções para as pessoas, baseadas fundamentalmente em pesquisas com consumidores e na promessa de marca “senseandsimplicity”. Com sede na Holanda, a Philips emprega aproximadamente 122 mil funcionários em vendas e serviços em mais de 100 países. Com um volume de vendas de 22,6 bilhões de euros em 2011, a empresa é líder de mercado em soluções para cuidados cardíacos, cuidados com a saúde em casa, soluções eficientes em iluminação e novas aplicações de iluminação, bem como em produtos de consumo e estilo de vida para o bem-estar pessoal, com forte posicionamento em barbeadores elétricos, entretenimento portátil e saúde bucal. Mais informações sobre a Philips podem ser encontradas no site www.philips.com/newscenter.

INFORMAÇÕES PARA A IMPRENSA


In Press Porter Noveli - Assessoria de comunicação TPV (Philips TV)


Share/Bookmark

terça-feira, novembro 17, 2015

Thaila Ayala e Giovanna Lancellotti se rendem ao Ballet Fitness

PlanetaCelular tecnologia e mobilidade


Thaila Ayala e Giovanna Lancellotti se rendem ao Ballet Fitness

 As musas participaram do evento de lançamento do Carefree TodoDia Flexi no Studio Betina Dantas, em São Paulo







As movimentadas ruas da Vila Olímpia, em São Paulo, ganharam um charme especial nessa terça – feira (17). É que as atrizes Thaila Ayala e Giovanna Lancellotti estrearam no Ballet Fitness para o lançamento do novo Carefree TodoDia Flexi, versão do protetor diário mais fina e que se ajusta a todo tipo de calcinha. A aula aconteceu no Studio da professora Betina Dantas, pioneira no Ballet Fitness no Brasil.

Entre “pliês” e “elevês” na versão fitness, as musas brincaram e posaram para fotos com o King, o Golden Retriever da Betina e mascote do espaço, contaram segredinhos de moda e beleza e revelaram como foi a primeira experiência com a modalidade.
Thaila contou que já fez aulas de balé clássico e amou se render ao Ballet Fitness, mas confessou que precisa de mais preparo físico para encarar as aulas. A atriz também revelou que acha lindo o corpo das meninas adeptas da modalidade. Sobre inspirações para seus looks, contou que escolhe suas roupas de acordo com seu humor e como se sente ao acordar.

Giovanna que é adepta de atividades como muay thai, neo pilates e corrida, estava ansiosa para o início da aula e foi uma das alunas mais animadas. A atriz, que está no ar como Luana na novela “A Regra do Jogo”, revelou que adorou a aula e quer praticar mais vezes. Ao fim da aula, a bela revelou que não vive sem água termal, rímel e blush e aplica a água termal mesmo após a maquiagem.


Crédito das fotos: Divulgação/AgNews


Planeta Celular telefonia celular, tecnologia e mobilidade.


Share/Bookmark

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Best Buy Printable Coupons